Av. Getúlio Vargas, 1122 sala 06 - São Bernardo do Campo-SP 11 4226-2213 11 98837-3428

Quando foi a última vez que seu condomínio realizou análise da qualidade da água?

Gostou? compartilhe!

Conheça nossas Notícias

Quando foi a última vez que seu condomínio realizou análise da qualidade da água?

Você mora ou trabalha em condomínio? Se sim, já parou para pensar sobre a qualidade da água disponibilizada para você beber? Pois é, assim como poucas pessoas se preocupam em relação à potabilidade da água consumida diariamente, muitas administrações de conjuntos habitacionais ou corporativos se esquecem desse “pequeno detalhe” e acabam por não fazer a Análise de Água, uma avaliação executada por profissionais específicos para atestar a qualidade e os níveis de sujeiras, sedimentos, cloro, entre outros elementos.

De acordo com a TJL Filtros, condomínios que possuam bebedouros em áreas comuns precisam praticar a verificação a cada seis meses, pelo menos. “Essa ação evita transtornos entre os condôminos, pois é de total responsabilidade do condomínio fornecer, entre outras coisas, uma água de qualidade”, explica Leonardo Castelli, diretor da empresa especializada em higienização, e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , e instalação de filtros, e purificadores de , manutenção e instalação de filtros, bebedouros e purificadores de água.

A análise de água é realizada para garantir a qualidade de água que estamos consumindo, sob parâmetros físico-químicos e microbiológicos. Com isso, é possível evitar diversas doenças gastrointestinais, por exemplo. “A Escherichia Coli é uma bactéria que se aloja no intestino e, em grande quantidade, causa problemas intestinais e urinários. Por isso, é de extrema importância a higienização de filtros e bebedouros, pois eliminamos todo tipo de bactéria no processo”, exemplifica Castelli.

Nos condomínios brasileiros, sejam eles empresariais ou residenciais, a forma de captação de água mais comum é a que chega diretamente das estações de tratamento das companhias de saneamento, que seguem padrões estabelecidos pelo Ministério da Saúde (Portaria 2914/2011). Mais raros, porém cada vez mais utilizados, também estão os poços artesianos e os sistemas de captação de água da chuva. Independentemente do método, a possibilidade de contaminação da água é grande. Conheça alguns dos motivos:

Canos de passagem de água danificados: A ETA (Estação de Tratamento de Água) atesta a potabilidade até o relógio – também conhecido como cavalete – na entrada do empreendimento. De lá para dentro, o condomínio é 100% responsável. Tubulações antigas e sem uma pré filtragem na entrada do condomínio geram contaminação na água, podendo conter bactérias, cor e cheiro alterados, além de sujeiras diversas;

Falta de limpeza nos reservatórios de água: As caixas d`água devem ser limpas semestralmente, no mínimo. Tampas e eventuais rachaduras devem ser reparadas sempre. E, para a água não criar muita bactéria, o cloro é indispensável na caixa. Por isso, é necessária a instalação do filtro após a saída dela.

Selos importantes

Além de demonstrar transparência e preocupação com a saúde e segurança dos condôminos, em uma fortuita visita da Vigilância Sanitária, além da análise da água, deve-se fornecer as etiquetas verificadoras nos filtros, mostrando o mês em que foi higienizado e o mês da próxima higienização, além de um certificado fornecido pela TJL Filtros, certificando que os bebedouros foram higienizados e identificando a validade dessa higienização.

Dica

Em condomínios que possuem uma água com muita sujeira, a TJL Filtros instala um filtro externo ao bebedouro (chamado de pré filtro), para realizar uma pré filtragem na água, que retira sujeira e sedimentos, para então chegar ao filtro e eliminar o cloro, bactérias etc. Uma água que chega aos bebedouros com sujeira diminui a vida útil de seu filtro. Caso isso ocorra, aquele lugar que faria uma manutenção semestral, passa a ter de realizar intervenções trimestralmente ou até bimestrais. Portanto, é extremamente importante o filtro externo.

E então, gostou de saber sobre análise de água para os condomínios? Tem outras dúvidas ou sugestões? Deixe seu comentário e entre para a conversa!

Não perca nossos próximos posts. Ah, não esquece de nos ajudar, seguindo nosso Instagram e acompanhando nossos posts diários. #tjlfiltros



Gostou? compartilhe!

Whatsapp TJL Filtros