Av. Getúlio Vargas, 1122 sala 06 - São Bernardo do Campo-SP 11 4226-2213 11 98837-3428

Você sabe o que pode ter na sua água não filtrada?

Gostou? compartilhe!

Conheça nossas Notícias

Você sabe o que pode ter na sua água não filtrada?

Há diversos fatores que podem prejudicar (e muito!) a qualidade da água com a falta de limpeza, manutenção e higienização de bebedouros.

Limpeza de filtrosLimpeza de filtros

Higienização de bebedouro

Sabia que bebê-la durante muito tempo sem a devida manutenção, pode acarretar em sérios danos à saúde? Confira abaixo o que pode ser encontrado na água não filtrada:

Bactérias e vírus

A água parada em seu bebedouro cria biofilme, parede de bactéria que causa gosto, mau cheiro e cor na água. A higienização dos bebedouros evita entupimento de dutos e contaminações microbiológicas.

Esses vírus e bactérias Podem aparecer na água exposta ao meio ambiente, seja através de sistemas inadequados de encanamento ou do armazenamento em reservatórios abertos, ou pela falta de manutenção dos filtros e bebedouros.

Cloro

O cloro é amplamente utilizado no tratamento da água para eliminar os micro-organismos, por isso é muito comum em piscinas. Ao ser consumido em altas concentrações, é tóxico. Ao interagir com a água, a substância cria trihalometanos (THMs) que, quando ingeridos, podem encorajar o crescimento de radicais livres capazes de danificar e destruir células. Estudos apontam uma ligação entre o consumo de cloro e maior incidência de câncer de bexiga, retal e de mana, além de problemas de fertilidade.

Compostos orgânicos voláteis (VOCs)

Encontrados em solventes em geral, essas substâncias acabam contaminando os corpos hídricos. No tratamento da água, a remoção delas é um processo complicado e pouco efetivo para alguns compostos, como os fenóis, muito solúveis na água. A exposição a esse tipo de material pode causar dores de cabeça, alergia cutânea, irritação nos olhos, no nariz e na garganta, falta de ar, fadiga, tontura e falta de memória. Durante longos períodos de exposição, os VOCs podem causar danos ao fígado e ao sistema nervoso central.

Fluoreto

Existem alguns debates sobre os efeitos dessa substância na saúde humana. Popularmente conhecida apenas como flúor, ao mesmo tempo em que protege os dentes contra cáries, sua ingestão em excesso pode contribuir para o desenvolvimento de problemas de saúde, como baixa imunidade, aumento de risco de câncer e supressão da função tireoidiana. A grande maioria dos países da Europa baniram o uso dessa substância no tratamento de água.

Metais pesados

Os metais pesados são tóxicos e, quando acumulados em nosso organismo, podem prejudicá-lo. Cada um tem um determinado efeito sobre o ser humano, havendo variação de acordo com o período de exposição. O mercúrio ataca o sistema nervoso; o chumbo e o cádmio podem causar câncer; o arsênio se acumula no rim e no fígado, causando problemas em diversos órgãos - se houver exposição crônica, pode resultar em câncer devido a distúrbios vasculares; o cromo em excesso gera, potencialmente, efeitos colaterais, como cansaço, perda de apetite, tendência a hematomas, náuseas, dores de cabeça, tonturas, alterações urinárias, sangramento nasal e reações cutâneas tipo urticária.

Sinais de que a água não deve ser consumida

Pode-se suspeitar que a água está contaminada, e por isso é imprópria para o consumo, quando:

  • Não se sabe de onde ela veio;
  • Está fora da portaria 2914 do MS;
  • Ela parece suja, turva ou com lama;
  • Possui algum cheiro;
  • Nota-se pequenas partículas de sujeira em suspensão na água;
  • Não está devidamente transparente, tendo uma coloração amarelada, alaranjada ou amarronzada.
  • Falta de limpeza dos bebedouros onde a manutenção de bebedouros profissional deve ser feita semestralmente, ou em alguns casos trimestralmente.

Portanto, busque um fornecedor de confiança para garantir os devidos cuidados e receber as orientações gerais para conservação do equipamento. Com acompanhamento de uma empresa experiente na “manutenção de bebedouro”, você amplia a vida útil dos equipamentos e oferece mais saúde para os usuários que desfrutam desse recurso.

E então, gostou de saber mais sobre o que pode ter na água não filtrada? Já toma alguns desses cuidados com seu equipamento? Tem outras dúvidas ou sugestões? Deixe seu comentário e entre para a conversa!

Não perca nossos próximos posts.

Não esquece de nos ajudar, seguir nosso Instagram e acompanhar nossos posts diários #tjlfiltros



Gostou? compartilhe!

Whatsapp TJL Filtros